São Paulo 25/05/2017 NOVA CRACOLÂNDIA – Usuários de drogas ocupando a Praça Princesa Isabel na quinta feira. Foto Fernanda Carvalho/FotosPublicas

A decisão do magistrado da Sétima Vara da Fazenda Pública, Emílio Migliano Neto, foi tomada após um pedido da Prefeitura de São Paulo.

O procedimento, porém, só poderá ocorrer após uma avaliação médica e autorização de um juiz.

O governo do estado afirma que a internação compulsória deve ser empregada em último caso.

A sentença é válida por 30 dias para os dependentes químicos maiores de 18 anos e restrita à Cracolândia e adjacências.

Ontem, o prefeito João Doria admitiu que a ação policial na região da Cracolândia foi antecipada.

O programa Redenção previa, antes da operação, o cadastramento dos dependentes e o acolhimento; o que não aconteceu.

Em consequência, os órgãos que fazem parte do comitê da iniciativa contra o crack, entre eles o Ministério Público, pediram explicações.

Nesta sexta-feira, João Doria disse que a presença das forças de segurança teve que ser precipitada:

O motivo da operação ter ocorrido antes da hora foi a necessidade de dar segurança aos agentes sociais e de saúde, explica o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin:

Quase mil dependentes químicos já buscaram atendimento desde domingo.

Segundo o governo, o número é TRÊS vezes e MEIO maior que a média.

Porém, a reportagem da Rádio Bandeirantes identificou a formação de um novo fluxo de usuários de drogas na Praça Princesa Isabel, bem próximo ao local antes denominado Cracolândia.

No entanto, o secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa, afirma que a polícia não deve repetir a ação feita no fim de semana:

Começou a funcionar nesta sexta um contêiner do Centro de Apoio Psicossocial Álcool e Drogas na região da Cracolândia, rebatizada de Nova Luz pela Prefeitura.

Segundo a administração municipal, dois psiquiatras ficarão de plantão 24 horas para avaliação e atendimento dos dependentes químicos.

A capacidade de atendimento é de 80 pessoas por dia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome