Dados inéditos do Itamaraty com base nos pedidos de visto eletrônico – novidade lançada em novembro – mostram que 77% das solicitações feitas atualmente são para turismo.

As viagens de negócios vêm na sequência e representam 14,9%.

Até agora, o Ministério das Relações Exteriores concedeu 27.120 e-Visas, a maioria (60%) para americanos, seguidos por australianos, canadenses e japoneses.

Outros 494 foram negados, sendo 168 deles solicitados por moradores de Sidney.

O visto eletrônico facilita a vida de quem vem ao Brasil, por permitir que toda transação seja feita pela internet, e vai gerar uma economia de R$ 2 milhões por ano só com as etiquetas impressas pela Casa da Moeda.

Visto eletrônico. Resumo. 07.03.2018
Visto eletrônico. Produção Mensal. 07.03.2018
Visto eletrônico. Número. 07.03.2018

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome