Foto: PM RJ/ Divulgação

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu o médico Denis César Furtado, conhecido como Doutor Bumbum e a mãe dele, a também médica Maria de Fátima Barros Furtado, na tarde desta quinta-feira (19).

Eles são acusados de serem os responsáveis pela morte da bancária Lilian Calixto durante um procedimento estético no último fim de semana, realizado no apartamento do médico.

Os dois foram detidos em um centro comercial da Barra da Tijuca, na zona oeste da capital fluminense, depois de uma ligação ao Disque-Denúncia.

Pouco antes da prisão, o ‘Doutor Bumbum’ divulgou um vídeo na página dele no Instagram afirmando que a morte da paciente Lilian Calixto foi uma fatalidade.

No vídeo, Denis diz ser alvo de injustiça e que não sabe as causas da morte da bancária que passou por um procedimento estético no apartamento dele, no último fim de semana.

 

 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome