Crédito: Folhapress

Na noite desta quinta-feira (18), a TV Bandeirantes promoveu o primeiro debate entre os candidatos ao governo do Estado de São Paulo no segundo turno, João Doria (PSDB) e Márcio França (PSB). O debate foi dividido em cinco blocos e foi mediado pelo jornalista Fábio Pannunzzio.

O encontro entre os candidatos ao governo foi marcado por acusações entre os dois participantes. Enquanto João Doria declarava apoio a Jair Bolsonaro, Márcio França sugeriu que o tucano não votou no PSDB no primeiro turno.

João Doria acusou Márcio França de ser conselheiro do ex-presidente Lula e disse que o adversário consta na lista da Odebrecht com o codinome Paris. O atual governador desafiou o oponente a provar e questionou a fonte de renda de Doria. França afirmou ainda que o tucano recebeu dinheiro do BNDES para comprar um avião.

O segundo turno das eleições será no dia 28 de outubro.

 Confira o debate na íntegra:

4 COMENTÁRIOS

  1. Debate pobre em idéias e cheio de ataques pessoais. Paulistas e Paulistanos querem saber de saúde, educação, segurança pública, emprego, transportes, meio ambiente dentre outros assuntos de interesse aos 645 municípios do estado.

  2. PALHAÇADA ESSES DEBATES NAO LEVAM A NADA. CADE AS PROPOSTAS MARCIO E JOAO DORIA DUAS CRIANÇAS BRIGANDO POR BOMBONS.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome