Foto: Rodolfo Stuckert/Agência Câmara/VEJA

A temporada de inverno em Brasília parece ter baixado a temperatura da Reforma da Previdência. Tudo caminhava para o texto principal da proposta ser votado ainda na terça-feira (09) no Plenário da Câmara. Mas as muitas negociações ao longo do dia não foram o bastante para o processo começar.

Houve somente discussões da PEC no Plenário, o que só teve início por volta das 21h. Do lado dos partidos pró-Reforma, continuam os desentendimentos sobre a participação de estados e municípios e as pressões por condições especiais de aposentadoria para carreiras policiais e professores.

A votação do texto-base está marcada para começar a partir das 10h30 desta quarta (10).

Confira mais detalhes:

1 COMENTÁRIO

  1. CÂMARA VERGONHA FEDEREAL LUDERADA POR NHONHO MAIA E REFÉM DE CENTRÃO NORDESTINOS CORRUPTOS 🇧🇷 POBRE BRASIL 🇧🇷 🇧🇷

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome