Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados

Eduardo Bolsonaro pode se tornar o embaixador do Brasil nos Estados Unidos. Jair Bolsonaro admitiu a possibilidade e disse que a indicação para chefiar a chancelaria em Washington só depende do próprio filho, deputado federal pelo PSL de São Paulo. O chefe do Executivo destacou, ainda, que, da parte dele, decidiria a questão agora:

Eduardo Bolsonaro preside a Comissão de Relações Exteriores da Câmara. O deputado declarou que vai cumprir da melhor maneira a missão que receber do pai dele. Mas disse que até agora não há nada oficial:

O Brasil está sem representante em Washington desde abril, quando o diplomata Sergio Amaral foi transferido para o escritório do Itamaraty em São Paulo. Eduardo Bolsonaro fez 35 anos nesta semana, idade mínima para assumir o cargo de embaixador. Se for indicado para o posto pelo presidente, o Senado ainda precisa confirmar a nomeação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome