Foto: EDNILSON AGUIAR/O LIVRE

Novo Atlas da Violência, divulgado hoje pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, em parceria com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, aponta crescimento da violência no Norte e no Nordeste, entre 2016 e 2017.

As duas regiões concentram 18 da 20 cidades, com mais de 100 mil habitantes, que apresentaram maior índice de homicídios. O estudo analisou 310 municípios brasileiros e fez recorte regionalizado da violência no país.

Maracanaú, na Grande Fortaleza, aparece como a cidade mais violenta do Brasil, com média de 145,7 mortes – quase quatro vezes maior do que o índice nacional. Em segundo lugar está Altamira, no Pará, seguida de São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte.

Apesar do aumento da violência em algumas regiões, o levantamento identificou também que 15 estados tiveram redução no índice de criminalidade entre 2016 e 2017. O Atlas aponta que, entre os municípios com mais de 100 mil habitantes, Jaú é cidade menos violenta, seguida de Indaiatuba e Valinhos, todas em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome