A Fundação Pró-Sangue faz um novo apelo para que os moradores da Grande São Paulo procurem os postos para fazer doações.

Os estoques de todos os tipos sanguíneos devem durar por mais um dia no máximo.

A médica da fundação, Sandra Esposti, diz que o cenário é resultado, em grande parte, da campanha de vacinação contra o sarampo:

A recomendação, portanto, é que a pessoa faça a doação de sangue antes de ser imunizada. A Fundação Pró-Sangue fornece bolsas para cerca de CEM instituições públicas de saúde. Com a baixa do estoque, os pacientes têm sido divididos por prioridade, explica a médica Sandra Esposti:

Menores de 18 anos precisam pedir autorização aos pais ou responsáveis por escrito. Já os idosos podem doar até 69 anos, desde que tenham feito alguma doação de sangue ao longo da vida:

Todos os endereços dos postos estão no site: prosangue.sp.gov.br

Uma das unidades de atendimento fica na Avenida Doutor Enéas Carvalho de Aguiar, 155, primeiro andar, a 200 m da estação Clínicas do Metrô. O local atende das 7h00 às 18h00, de segunda a sexta; e das 8h00 às 17h00, nos sábados e feriados.

O estacionamento, gratuito aos doadores, fica no bolsão de carros, próximo ao Prédio dos Ambulatórios, dentro do complexo do Hospital das Clínicas. Uma doação de sangue pode salvar de três a quatro vidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome