O Smithsonian Channel, uma parceria do Grupo Bandeirantes com o instituto Smithsonian, que controla, nos Estados Unidos, alguns dos principais museus do mundo, estreia neste fim de semana as duas primeiras produções nacionais!

O canal foi lançado aqui no país em abril com o propósito de fomentar a produção audiovisual no Brasil. Os dois documentários que serão exibidos foram gravados na região Centro-Oeste, no mesmo ecossistema, mas têm propostas bem diferentes.

“O Reino da Onça-Pintada”, que vai ao ar amanhã, foi gravado no Parque Estadual Encontro das Águas, no Mato Grosso, e acompanha a maior concentração desses felinos no mundo.

Nessas terras úmidas, as onças caçam jacarés e capivaras, e chegam a alcançar até o dobro do peso médio de outras da mesma espécie que vivem em outros biomas.

“Pantanal: Tesouro Verde” apresentará ao público o espetáculo da vida selvagem que se forma às margens da área conhecida como “lago rebelde”.

As águas do local atraem uma impressionante variedade de animais nos meses de estiagem, como explica o diretor de fotografia das duas produções, Lawrence Wahba:

 

O diretor de fotografia das duas produções explica que, apesar de os filmes terem sido feitos no mesmo ecossistema, cada um deles tem uma abordagem única.

Segundo Lawrence Wahba, as gravações foram desafiadoras:

 

Neste sábado (07), “O Reino da Onça Pintada” estreia às 22h. No domingo (08), no mesmo horário, “Pantanal: Tesouro Verde” será apresentado pela primeira vez. O Smithsonian Channel está disponível na NET no canal 590.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome