Bolsonaro e Shinzo Abe, do Japão, encontraram-se no começo do ano e discutirão hoje aproximação comercial. (Foto: Presidência da República)

O presidente Jair Bolsonaro já está no Japão, por onde começa a viagem oficial pela Ásia e pelo Oriente Médio. No total, outros quatro países estão incluídos no roteiro: China, Emirados Árabes Unidos, Catar e Arábia Saudita. É o primeiro giro do presidente para essa porção do mundo desde que assumiu o cargo.

No Japão, o principal compromisso é a cerimônia de posse do imperador Naruhito marcada para a terça-feira (22), no Palácio Imperial, em Tóquio. Na quarta-feira (23), o brasileiro vai seguir para a China, em uma viagem que marca os 45 anos da retomada das relações diplomáticas entre os dois países.

O Brasil interrompeu o diálogo em 1949 por causa da Revolução Comunista na nação asiática. Em Pequim, Bolsonaro terá encontros com o primeiro-ministro e com o presidente chinês, Xi Jinping. Antes de embarcar, o presidente afirmou que o Brasil está recuperando a confiança internacional e que a viagem é muito importante para a economia.

Ainda nesta semana, no sábado (26), a comitiva de Jair Bolsonaro chega aos Emirados Árabes, onde serão realizadas reuniões com o príncipe herdeiro em Abu Dhabi Mohammed Bin Zayed Al Nahya. Na outra segunda-feira (28), o destino é o Catar, onde o presidente da República vai se encontrar com Emir, que é o chefe de Estado do país.

No fim do dia, Jair Bolsonaro embarca para a Arábia Saudita, onde se reunirá com o rei e o príncipe-herdeiro Mohammed bin Salman. A previsão de retorno ao Brasil é na quinta-feira (31). Durante esse período, o vice-presidente Hamilton Mourão assume a presidência interinamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome