Uma taxa de 0,20 centavos será cobrada das empresas de compartilhamento de patinete pela Prefeitura de São Paulo. O Diário Oficial da Cidade traz hoje a regulamentação do uso de patinetes na capital.

A administração municipal estipulou a velocidade máxima de 20 km/h e proibiu o transporte de passageiros ou animais. Os patinetes também só podem ser usados em ciclovias, ciclofaixas, ruas de lazer fechadas para carros e em vias onde a velocidade máxima não passa de 40 km/h.

Os equipamentos precisam ainda ter indicador de velocidade, campainha e sinalização noturna. As empresas de compartilhamento de patinetes terão um prazo de dois meses para se adequar às regras.

Menores de 18 anos não podem andar no equipamento e os usuários só poderão devolver os patinetes nos locais específicos. Em relação ao capacete, a Procuradoria Geral do Município vai entrar com uma ação na Justiça para que possa obrigar o uso.

Ouça a entrevista completa do secretário municipal de Mobilidade e Transportes de São Paulo, Edson Caram, com Eduardo Barão dentro do jornal BandNews São Paulo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome