Barragem de Fundão se rompeu em 2015. (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

A tragédia da mineradora Samarco em Mariana, Minas Gerais, completa quatro anos nesta terça-feira (05) e pescadores ainda estão proibidos de trabalhar em vários pontos do Rio Doce. Especialistas afirmam que o rompimento da barragem pode impactar a vida marinha da região por 100 anos.

Em 5 de novembro de 2015, a barragem da Samarco no subdistrito mineiro de Bento Rodrigues se rompeu matando 19 pessoas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome