Foto: Reprodução/Youtube

A Polícia Civil do Rio de Janeiro pede a inclusão do nome de Eduardo Fauzi Richard Cerquize na lista de procurados pela Interpol. Acusado de participar do ataque à sede da produtora Porta dos Fundos, o homem deixou o Brasil e foi para a Rússia no dia 29 de dezembro.

Eduardo Fauzi é considerado foragido desde o último dia 31, quando a polícia iniciou uma operação para cumprir um mandado de prisão. Uma recompensa de R$ 2 mil é oferecida pelo Disque-Denúncia por informações que levem ao paradeiro dele.

Anteontem, o suspeito publicou um vídeo na internet xingando os artistas do Porta dos Fundos. O ataque ocorreu na madrugada do dia 24 de dezembro, quando os criminosos jogaram três coquetéis-molotov na sede da produtora, na zona sul do Rio de Janeiro.

5 COMENTÁRIOS

  1. O que é pior: ele cita Jesus, como se ele fosse um defensor. Onde e quando que uma pessoa que agride uma pessoa ao vivo em rede de televisão e age como um terrorista pode citar Jesus como aval de suas atitudes. Só na Idade média.

  2. É simples é só deixar de ser inscrito no YouTube , Instagram. Não dá atenção para esses babacas pois era isso que eles queriam chamar a atenção porque estão cada vez mais em decadencia queriam aparecer e conseguiram. Porém o desprezo neste momento é o melhor contra ataque de um verdadeiro cristão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome