Registro de alagamento em Guaianases, na zona leste de São Paulo, nesta quarta-feira. (Foto: Brasil Urgente)

A Grande São Paulo já contabiliza dois mortos depois do temporal desta quarta-feira (09) e chuvas fortes podem voltar a atingir a região hoje.

No início da madrugada, um morador de rua morreu eletrocutado na Avenida Rio Branco, no centro da capital paulista. A vítima tinha cerca de 20 anos e sofreu uma descarga elétrica quando se aproximou de um poste ao tentar fugir da tempestade se abrigando em um ponto de ônibus.

Ontem, uma mulher de 34 anos morreu em Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo. Segundo o Corpo de Bombeiros, ela estava em um prédio que fica ao lado de um córrego que transbordou. A vítima estava presa entre estruturas metálicas quando foi encontrada pela corporação.

Já na zona leste da capital paulista, uma mulher está desaparecida desde o temporal da última terça-feira. Ela sumiu por volta das 22h, em Guaianases, perto de um córrego. De acordo com os bombeiros, as buscas devem continuar hoje.

Por pouco as fortes chuvas não deixaram outra vítima em Itaquera, também na zona leste da cidade. Ontem à tarde, uma mulher estava sendo engolida por um bueiro. Ela foi salva graças a pessoas que circulavam por ali e conseguiram segurá-la. Uma dessas pessoas era o Ronaldo, que deu entrevista à Band.

 

Ao todo, o Corpo de Bombeiros contabilizou 99 chamados para queda de árvores, 36 para desabamentos e 118 para enchentes. Na zona leste, um deslizamento de terra no Parque do Carmo atingiu três veículos, mas ninguém ficou ferido.

Entre a tarde e a noite, toda a capital paulista ficou em estado de atenção para alagamentos, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura de São Paulo.

Alguns bairros ficaram em estado de alerta. No Tremembé, na Zona Norte, o córrego Paciência transbordou na altura da Avenida Edu Chaves com a Avenida Sanatório. No Itaim Paulista, Zona Leste, o mesmo aconteceu com o córrego Lajeado, na altura da rua Manuel Barbalho de Lima.

Ouvintes da BandNews FM registraram o trânsito caótico em diversos pontos de São Paulo:

 

Nos transportes públicos, mais transtornos. Por causa dos alagamentos, a Linha 11-Coral da CPTM chegou a ficar paralisada e a Linha 12-Safira operou parcialmente entre o final da tarde e o começo da noite.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome