O ex-secretário geral da Presidência e pré-candidato a prefeito do Rio de Janeiro, Gustavo Bebianno, morre após um infarto fulminante, aos 56 anos.

A informação foi confirmada pelo presidente estadual do PSDB, Paulo Marinho.

Bebianno estava em um sítio em Teresópolis, região serrana do Rio, junto com um caseiro e o filho.

Segundo Paulo Marinho, ele começou a passar mal por volta das 4h30 da manhã.

Bebianno chegou a ser levado para o Hospital Central da cidade, mas não resistiu.

Ainda não há detalhes sobre enterro.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome