(Foto: Buda Mendes/Getty Images)

O presidente do COB, Paulo Wanderley Teixeira, diz que o comitê já esperava o adiamento dos Jogos Olímpicos de Tóquio para 2021. Em entrevista à BandNews FM, ele disse que o Brasil foi um dos primeiros países a sugerir a alteração do evento.

 

Segundo Teixeira, os atletas receberam com muita satisfação a decisão. “Uma manifestação quase unânime de toda a comunidade olímpica, podemos falar em alívio, sim.”

As novas datas ainda não foram definidas, mas a Olimpíada será realizada no verão europeu, ou seja, entre junho e setembro do ano que vem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome