(Foto: Reprodução)

A quarentena decretada pela prefeitura do Rio de Janeiro para conter o avanço da Covid-19 muda a rotina dos cariocas hoje pela manhã.

A partir de agora, apenas serviços essenciais podem funcionar como farmácias, padarias, petshops, bancas de jornal, praças de alimentação, açougues, lavanderias e mercados. Bares e restaurantes estão autorizados a abrir, mas apenas para oferecer serviço de entrega. Quiosques das praias, o setor da indústria, escritórios e consultórios passam a ter restrição de funcionamento. Nas agências bancárias, que anteriormente iriam ficar fechadas, o atendimento ao cliente não deve ultrapassar o prazo máximo de 20 minutos contados desde a entrada no banco.
O estado do Rio já segue outras restrições determinadas pelo governo nos transportes. Há bloqueios em estações do metrô, trens e barcas para evitar a circulação de pessoas que não fazem parte do grupo de trabalho prioritário, como funcionários da saúde.  A circulação nas praias também está proibida.
O Rio contabiliza quatro mortes por conta do novo coronavírus e 233 casos confirmados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome