Responsável pela verdadeira delação do fim do mundo na Lava Jato, que expôs o esquema de corrupção envolvendo políticos e empreiteiras, Paulo Roberto Costa acaba de recuperar o passaporte, mas só o brasileiro.

Em regime aberto desde 2016, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras  também tem cidadania portuguesa, mas, por enquanto, está proibido de utilizá-la. Qualquer viagem, a partir de agora, terá de ser comunicada e autorizada pela Justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome