Os gastos com divulgação da atividade parlamentar lideraram as despesas dos deputados no último ano da legislatura que acaba de se encerrar.

Em 2018, foram R$ 22,5 milhões de reais empenhados na promoção do próprio trabalho, segundo dados da Câmara.

Logo depois, aparecem as as despesas com bilhetes aéreos, que somaram R$ 22 milhões.

No total, vossas excelências desembolsaram quase R$ 100 milhões só da cota parlamentar, sem contar os salários, os assessores e outras mordomias.

 

 

 

 

 

 

Estão entre os mais gastões: Arlindo Chinaglia (PT-SP), Gorete Pereira (PR-CE) e Jonathan de Jesus (PRB-RR).

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome