Diretor afirma que Morumbi está pronto, caso receba final da Libertadores 2020

    1
    415
    Foto: Arthur Covre

    A Conmebol deve divulgar ainda neste mês o estádio que vai receber a final da Libertadores de 2020 e sete arenas brasileiras estão na disputa: as de Corinthians e Grêmio, além de Maracanã, Beira-Rio, Mineirão, Mané Garrincha e o Morumbi.

    No São Paulo Futebol Clube, quem confia em uma possível escolha do Cícero Pompeu de Toledo é o diretor executivo do local, Rafael Palma. “Na Copa América, as delegações elogiaram muito a estrutura. Então, não há dúvida de que o Morumbi está mais do que preparado”, ressalta o dirigente.

    O diretor executivo supervisiona todos os trabalhos realizados no Morumbi, começando pela manutenção das cadeiras, dos telões e do sistema de iluminação até o pagamento das contas de água e luz e a obtenção dos alvarás necessários para o funcionamento do estádio.

    A troca recente do letreiro na entrada principal também ficou sob responsabilidade do dirigente. “O sistema anterior era de néon. A manutenção era quase que semanal. Então, estamos trocando por lâmpadas de led. Vai ficar mais bonito”, garante.

    Foto: Arthur Covre

    Outra questão que tem recebido atenção de Rafael Palma é a montagem do palco para grandes shows como o da banda inglesa Iron Maiden, marcado para o dia 6 de outubro. A ampliação recente feita nos vestiários gera uma preocupação extra por parte dos técnicos responsáveis porque a estrutura ficará em cima dos túneis. “Nós teremos que fazer um calçamento interno profissional para sustentar tudo porque o peso do palco é muito grande e os túneis estão maiores”, revela Palma.

    Ouça a reportagem completa em mais uma edição do quadro “Futebol Raiz” com Arthur Covre.

     

     

     

    1 COMENTÁRIO

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Deixe seu comentário!
    Por favor, informe seu nome